Carreiras à prova de crise III

Nenhum setor está imune à crise e o mercado de trabalho.

No entanto, algumas áreas e carreiras estão sofrendo menos os efeitos da retração da economia.
Áreas como tecnologia, mercado financeiro, farmacêutico e o agronegócio são os segmentos menos afetados pela crise.
Em relação às atividades profissionais, posições ligadas à redução de custos, ganho de qualidade eficiência em estruturas, processos e procedimentos são mais valorizadas em cenários menos positivos para a economia.

mercado de trabalho, mercado, trabalho, Controller, gerente, auditoria, Gerente de risco, Profissional, planejamento, Gestor, negócio, receita, despeza, profissionais, custos, Controle financeiro 1

Consultor de projetos em logística

O que faz?
É responsável pela melhoria do fluxo em várias etapas da cadeia produtiva de uma empresa.
Também pode implantar sistemas de informação.
Por que sobrevive à crise? O mercado de logística mudou muito com a evolução do consumo, hoje as pessoas compram de forma mais global, remota e complexa.
Por isso, novos projetos para a entrega de mercadorias precisam ser redesenhados constantemente, para aumentar a produtividade e evitar prejuízos – ainda mais em tempos de instabilidade econômica.

Profissional generalista de recursos humanos

O que faz?
Atua em projetos de desenvolvimento organizacional e também em ações de treinamento e desenvolvimento ou de recrutamento e seleção.
Por que sobrevive à crise? Justamente porque é capaz de atuar em mais de uma área do departamento de recursos humanos.
Não basta ser especialista, as empresas buscam profissionais que também abracem outros subsistemas na área de recursos humanos.
Os profissionais de recursos humanos estão mais valorizados porque ajudam a identificar onde pode haver ganho de qualidade de mão de obra.
Eles ajudam a diretoria a mexer na estrutura, fazendo movimentos de substituição de profissionais caros que não estão tendo bom desempenho na função.

Profissional de RH

com foco em folha de pagamento (para multinacionais)
O que faz?
Atua na área de remuneração dentro do departamento de recursos humanos, gerenciando a folha de pagamentos da empresa.
Por que sobrevive à crise? Os departamentos de folha de pagamento de empresas multinacionais têm espaço para estes especialistas.
Muitas empresas transferem este serviço a terceiros, mas há aquelas que preferem manter a estrutura de folha de pagamento interna por conta da confidencialidade dos valores de salário.
Mas é preciso falar inglês ou espanhol, dependendo do local da matriz.
mercado de trabalho, mercado, trabalho, Controller, gerente, auditoria, Gerente de risco, Profissional, planejamento, Gestor, negócio, receita, despeza, profissionais, custos, Controle financeiro 3

Profissional de RH

com foco em política de benefícios
O que faz?
Seu foco é conseguir que a empresa forneça os melhores benefícios aos funcionários, a custos menores, por isso faz a interação entre a companhia e as fornecedoras de vale-alimentação, seguradoras de saúde, entre outras.
Por que sobrevive à crise? É valorizado porque pode reduzir custos e, ainda assim, melhorar a política de benefícios da empresa.

Subscritor de seguros

O que faz?
É responsável pela interação entre a empresa e as companhias seguradoras, com foco na gestão de risco.
Por que sobrevive à crise? O objetivo das empresas é minimizar riscos de perdas e prejuízos em caso de alguma eventualidade.

Desenvolvedor de software

O que faz?
Desenvolve aplicativos e programas com o objetivo de trazer mais eficiência em processos e procedimentos da empresa. Tecnologias como Dot.Net, PL-SQL e Java são as especialidades mais procuradas.
Por que sobrevive à crise? Mesmo com a indústria retraída, há setores mais “saudáveis” no momento que compensam o fraco desempenho industrial.
Construção, farmacêutico e tecnologia são setores que estão bem e contratando, o que equilibra a balança do mercado de TI.

Engenheiro de energia renovável

O que faz?
Demanda em alta para profissionais de nível executivo, que atuam na gestão de projetos de geração de energia renovável.
Por que sobrevive à crise? Faltam profissionais experientes no setor.
Há falta de mão de obra no Brasil neste setor que é relativamente novo.
mercado de trabalho, mercado, trabalho, Controller, gerente, auditoria, Gerente de risco, Profissional, planejamento, Gestor, negócio, receita, despeza, profissionais, custos, Controle financeiro 2

Gerente de inteligência de mercado

O que faz?
Atua no departamento de marketing trazendo informações estratégicas de mercado e buscando entender necessidades de clientes e potenciais clientes.
Por que sobrevive à crise? Sua atuação é fundamental para gerar mais valor para a marca e para o produto.

Gerente geral de e-commerce para varejo

O que faz?
É responsável pela gestão da área de e-commerce com foco em P&L (lucros e prejuízos) assegurando a rentabilidade da operação.
Por que sobrevive à crise? O varejo online está crescendo no Brasil e seu grande desafio é a rentabilidade. No ano passado, a alta nas operações de comércio eletrônico foi da ordem de 25%.

Gerente de processos / melhoria contínua

O que faz?
Tem foco na redução de procedimentos e custos na operação para trazer mais eficiência aos processos.
Por que sobrevive à crise? Redução de custos e mais eficiência são ações muito valorizadas pelas companhias em momentos de crise.
Carreiras, crise, mercado de trabalho, mercado, trabalho, Controller, gerente, auditoria, Gerente de risco, Profissional, planejamento, Gestor, tesouraria, negócio, receita, despeza, profissionais, custos, Controle financeiro

Próximo Post

Anterior Post



Top 50


iEXE




9dades
       Copyright 2000-2015 - 9dades