Se o animal tiver um nome longo, você provavelmente precisa de um apelido mais curto.
Essa versão abreviada do nome de seus animais de estimação é chamada de “nome de chamar”.

Dicas 9dades.com.br
Esteja atento a nomes como João, Sansão e muitos outros que terminem com “ão”, pois o animal terá dificuldades em distinguir o seu nome do “Não” e poderá representar um problema na hora de educar o animal.

Use sempre um tom de voz agradável ao dizer o nome do animal.
Você quer que ele goste do nome, e não que saia correndo ao ouvi-lo.

Não se preocupe em demorar para escolher o nome certo.

Se não consegue se decidir, passe um tempo com o bicho e veja como ele se move e interage com você.
Todas essas palhaçadas o tornarão a decisão mais fácil.

Se o processo demorar mais do que imaginava, não há problema, um animal de estimação não é apenas um animal, ele é um amigo para a vida e seu nome deve ser muito especial.
Eles precisam gostar dele também!

Se o animal veio de um relacionamento abusivo e já tem um nome, dar a ele um nome novo diferente pode criar um novo começo para ele.

Pense sobre a personalidade do animal.
Será que ele ou ela o lembra de uma pessoa ou personagem?
Existe uma atividade que ele ou ela gosta de fazer?
Existe um traço de personalidade que se sobressai?

Não escolha sempre os nomes comuns , como Bob, Mel, Rex, Max, Belinha ou Fofinho.
Se um nome comum realmente combina com o seu animal de estimação, tudo bem, mas pode ficar confuso se existirem muitos “Bobs” na vizinhança.
Tente pensar fora da caixa e encontre algo um pouco diferente.
Escolha algo que seja fácil de pronunciar.

Em alguns casos, você pode querer um nome que soará mais forte quando você precisar chamar seu animal de uma longa distância.
Nomes com sons de vogais longas tendem a funcionar melhor.
Não se sinta obrigado a ser excessivamente criativo ou inteligente com o nome do seu animal de estimação.
Nomes simples são bons também.

Não nomeie seu animal de estimação com algo depreciativo ou inadequado.
É importante ser cortês com os outros se pretende chamar seu animal em público, e é rude esperar que o seu veterinário e sua equipe usem um nome pejorativo ao levar o seu animal lá.


Não chame seu animal de estimação, especialmente se ele for um cão ou gato, por um nome a menos que esteja certo de que o continuará usando decidir que não gosta do nome um mês depois confundirá o pobre animal.

Não grite o nome do seu animal de estimação quando ele fizer algo errado.
Ele pode começar a associar o seu nome com você estar com raiva, principalmente se você não usar o nome em outras situações.
Basta dizer “não”.
Evite problemas e “maus hábitos” por meio de medidas preventivas, uso adequado de confinamento e treinamento.

Por exemplo, um cão jovem e saudável que late muito provavelmente está entediado e precisa de exercício mental, emocional e físico.
Passeios, caminhadas e dias de brincar com outros cães agradáveis podem fazer um cão barulhento virar um cão sonolento e calmo.